Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




À espera de um milagre

por doinconformismo, em 28.10.16

Era uma vez uma jóia

com muito pêlo

e vontade de morder

 

Perdida,

mal sabia quem era

à nossa porta veio ter

 

Minha jóia inglesa

de jade são os seus olhos

pose de princesa

 

Sempre no meu colo

É ela quem manda

Não conhece desconsolo

 

Mas um dia não veio mais

será que está zangada?

deprimida? Amargurada?

 

Ou então é da comida

bem a podemos mudar

mas continua a definhar

 

Vamos ver o que se passa

uma questão de mau sangue!

pouco se pode fazer

 

E a partir deste momento

um verdadeiro milagre

é tudo o que podemos querer

 

A minha jóia inglesa

antes com olhos de jade

inspira agora piedade

 

Aquela pose de princesa

lá para trás ficou

mas ainda sabe quem sou

 

Pode a história terminar aqui?

cinco anos de mimo e nada mais?

e as boas recordações

 

Não desisto até saber

como é que a história termina

é o Autor da vida que a determina!

 

Será que os olhos nublados

serão de novo de jade?

esperamos um milagre!

Outro bebé

por doinconformismo, em 08.10.16

Foi concebido no final de 2015. Foi crescendo no início de 2016, ganhando corpo até ao verão. E imagem. Muitas vezes me pus a imaginar como seria fisicamente, qual seria a sensação de pegar nele, o cheiro, se seria bonito. Meses de sofrimento por tamanha espera.

Até que um dia, um telefonema informava que estava pronto. Que entusiasmo!! Finalmente pude pegar nele, observá-lo de todos os ângulos, tocar a capa brilhante e cuja beleza era tremendamente maior do que todas as imagens. E aquele cheirinho a papel! No que me toca nunca deixarei que um ebook tome um lugar de um livro, toda a experiência sensorial faz parte da apreciação de um bom livro!

E agora, chegou a hora do lançamento. Só eu sei o quanto estou orgulhosa do meu bebé. Só eu sei o quão grata estou a um punhado de pessoas que tanto me impulsionaram, começando pelo meu próprio marido que me encheu o juízo até que eu pusesse mãos à obra. Agora, é hora de o partilhar com o mundo inteiro!

Com um desejo ardente que tenham tanto prazer em lê-lo como eu tive em escrevê-lo, aqui fica o anúncio!

 

Cartaz meu livro vermelho poemas-01.jpg

 


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever newsletter



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D