Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Muito mais que projetos

por doinconformismo, em 04.11.16

Nestes últimos meses tenho escrito poemas e textos, reflexões. Tenho colaborado com o incOmum e a fantástica equipa que o constitui na realização de diversas tertúlias, tendo tido a oportunidade de conhecer imensas pessoas interessantes e aprender muito sobre diversos temas, desde as mais diversas artes até África.

Tenho-me esfalfado a trabalhar, com um conjunto de pessoas fantásticas, para o Encontro Cristão, nomeadamente para o debate sobre eutanásia que tem recebido as mais diversas críticas positivas e incentivos para próximos debates. E já estamos a preparar o evento de fevereiro! Com o já habitual apoio a instituições sociais relevantes.

Continuo a escrever, lancei um livro de poemas e não só e tenho recebido toneladas de manifestações de carinho ainda antes do lançamento mas principalmente nestas últimas semanas, em que tenho visto também portas a abrirem-se como nunca pensei. Até fora de Portugal. Um obrigado especial à Chiado Editora!

E claro, sou mãe, mulher, dona de casa, profissional que nunca vira as costas ao trabalho. Dona de duas gatas que ainda se está a refazer de um susto de morte que apanhou com uma delas. Filha. Amiga que faz tudo o que pode para se fazer presente nos momentos cruciais da vida dos seus amigos.

O que é que tudo isto tem em comum? A loucura de passar noites sem dormir? a adrenalina de procurar novas experiências? Nada se compara à satisfação de dar de volta à sociedade. Quem tem algo de valioso, tem a responsabilidade de o repartir, de ajudar outros a atingi-lo também, de partilhar dicas e experiências. É o mínimo que podemos fazer pelos que estão à nossa volta. Não é uma opção, é uma obrigação.

E agora, a cereja no topo do bolo: nos próximos dias vou ter oportunidade de estar presente em dois acontecimentos bastante diferentes mas que têm em comum o facto de poder ouvir o que pessoas muito relevantes na sociedade atual pensam sobre a mesma e como podemos mudar o mundo.

Em primeiro lugar, a conferência anual da Aglow, já este sábado. E logo a seguir, o Web Summit. Sou ou não uma sortuda? Muito mais que projetos, fama, dinheiro ou horas de trabalho, a grande riqueza de todas estas atividades são pessoas. As pessoas que conhecemos, com quem aprendemos, em quem reconhecemos diferenças em relação a nós, a quem podemos também ensinar algo, são realmente a nossa riqueza e o melhor que levamos desta vida!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mais projetos na calha

por doinconformismo, em 16.05.16

Tenho mixed feelings acerca de África. Pelo que o meu pai lá sofreu, obrigado que foi a ir. E que ainda sofre. Pelo que vemos a cada dia (ou não vemos, pois muitos fecham os olhos) que se passa na Nigéria, em Angola, em toda a região da Somália, entre outros.

Mas depois há os sons, oh meu Deus os sons e aquele ritmo maravilhoso. E a comida! Podem acenar-me com calulu, moamba, o que quiserem, mas o sarapatel faz-me crescer água na boca.

E a afável simpatia de povos como os moçambicanos, dá vontade de conhecer mais e mais.

De uma coisa tenho a certeza: quem esteve em África vai trazê-la para sempre entranhada na pele. É para essas pessoas que se destina a 2ª Tertúlia incOmum intitulada África Minha. Sábado a partir das 19:30, com tudo o que temos direito e que diz o folheto abaixo. Melhor, só experimentando!

FB_IMG_1463407556352.jpg

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tertúlia Incomum

por doinconformismo, em 16.12.15

Começa esta quarta o primeiro ciclo de tertúlias Incomum. Quinta feira, o dia do meio, onde está a virtude, foi reservado à Arte no Feminino. É aí mesmo que tenho o privilégio de estar, é aí que aguardo a vossa presença juntamente com mulheres talentosas e muitíssimo interessantes. Aqui :

received_1110726048939058.jpeg

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever newsletter



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D